VÍDEOS DO GRÃO MESTRE ITAGIBA VITORIO

Loading...

Quem sou eu

Minha foto
Doutor Honóris Causa em Educação e Artes Marciais o Grão Mestre Itagiba Vitorio é brasileiro, natural de Santana do Livramento/ RS, filho de Vitório Vieira Dias e Terezinha da Silva Dias, nasceu no ano de 1965. Mestre de Taekwondo e Hapkido, Profissional de Educação Física, Jornalista Profissional, Bacharel em Filosofia Organizacional e Policial Militar inativo Brigada Militar). Iniciou a Pratica nas artes marciais em 1982 Na cidade de Passo de Los Libres-Argentina. Formou-se Faixa Preta em 1988. No ano de 1999 e 2000 foi um dos fundadores da WSHF (World Sports Hapkido Federation) juntamente com Grão Mestre Kang, criando em 2001 a Federação Rio Grandense de Hapkido. O Mestre Itagiba Vitorio no ano de 1995 deu inicio ao Projeto Taekwondo Educar no Ginásio Nenezão na cidade de Sapiranga e no ano de 2000 começou o Projeto Hapkido Educar na Escola Frederico Linck na cidade de Guaíba.

domingo, 8 de dezembro de 2013

PÓDIO BI CENTENÁRIO / Podio Bicentenario


No pódio, comemoração e hino argentino
Atletas laureados em um pódio com quase duzentos anos. Assim estava constituído o local da premiação da corrida de 800 metros: medalha de ouro Lorenzo Escobar com 99 anos e medalha de prata Efrain Wachs de 95 anos, ambos representando a Província de Tucumã na Argentina.
Depois da corrida dos 800 metros um descanso e muita água
No 20º Campeonato Mundial de Atletismo Master, Lorenzo conquistou a medalha de ouro nos 800 e ficou com a prata nos 100, 200 e 400, já Efrain ganhou três ouros nas provas de salto em distância, salto triplo e nos 1500 metros, além de prata nos 800m, no arremesso de peso, no lançamento de dardo e de disco e ainda conquistou bronze nos 100, 200 e 400 metros. Os dois atletas lamentam a ausência de mais dois atletas (um de 96 e outro de 99 anos) da sua província que não puderam participar do Mundial de Atletismo Master devido a  lesões.
Os jovens centenários posando para a imprensa
Lorenzo e Efrain estão criando o Instituto Vivamos 100 Anos em Tucumã, que incentiva as pessoas com mais de 60 anos a praticarem esportes, visto que na província muitos já passaram dos cem. Uma curiosidade que eles contam: quando uma pessoa em sua província faz cem anos, o aniversariante recebe a visita e presentes do Governador.

Texto: Itagiba Vitorio MTB 15079/RS, Jornalista voluntário no WMA 2013.
Fotos: Itagiba Vitorio e Laura Blessmann
________________________________________________
Podio Bicentenario

Atletas galardonados en un podio con casi doscientos años. Así estaba el local de la premiación de la corrida de los 800m: medalla de oro a Lorenzo Escobar, 99 años, y medalla de plata para Efrain Wachs, 95 años, ambos representantes de la provincia argentina de Tucumán.

En el 20º Campeonato Mundial de Atletismo Master, Lorenzo logro la medalla de oro en los 800m, y la plata en los 100, 200 y 200. Ya Efrain ganó tres oros en las pruebas de salto en longitud, salto triple y en los 1500m, además de la plata en los 800m, en el lanzamiento de peso, en el lanzamiento de jabalina y de disco. Aun recibió el bronce en los 100m, 200m y 400m. Los dos atletas lamentan la ausencia de más dos atletas (uno de 96 y otro de 99 años) de su provincia, que no pudieron participar del Mundial de Atletismo Master a causa de lesiones.


Lorenzo y Efrain están creando el Instituto Vivamos 100 Años en Tucumán, que incentiva la gente con más de 60 años a la práctica deportiva, puesto que en la provincia, muchos ya pasaron de los cien. Una curiosidad que cuentan: cuando un tucumano cumple cien años, el cumpleañero recibe la visita y regalos del Gobernador.

Traducción: Soraya Bertoncello

Nenhum comentário:

Postar um comentário