VÍDEOS DO GRÃO MESTRE ITAGIBA VITORIO

Loading...

Quem sou eu

Minha foto
Doutor Honóris Causa em Educação e Artes Marciais o Grão Mestre Itagiba Vitorio é brasileiro, natural de Santana do Livramento/ RS, filho de Vitório Vieira Dias e Terezinha da Silva Dias, nasceu no ano de 1965. Mestre de Taekwondo e Hapkido, Profissional de Educação Física, Jornalista Profissional, Bacharel em Filosofia Organizacional e Policial Militar inativo Brigada Militar). Iniciou a Pratica nas artes marciais em 1982 Na cidade de Passo de Los Libres-Argentina. Formou-se Faixa Preta em 1988. No ano de 1999 e 2000 foi um dos fundadores da WSHF (World Sports Hapkido Federation) juntamente com Grão Mestre Kang, criando em 2001 a Federação Rio Grandense de Hapkido. O Mestre Itagiba Vitorio no ano de 1995 deu inicio ao Projeto Taekwondo Educar no Ginásio Nenezão na cidade de Sapiranga e no ano de 2000 começou o Projeto Hapkido Educar na Escola Frederico Linck na cidade de Guaíba.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

A FALTA DE ÉTICA NAS ARTES MARCIAIS

Começo aqui neste artigo falando sobre a falta de ética dos “professores” e “mestres” nas Artes Marciais (que é uma minoria, mas que chega muitas vezes a prejudicar a maioria).

Observo que muitos praticantes com espírito do mal treinam e se formam “faixas pretas” com Professores e Mestres e após formarem-se, eles o abandonam como se nunca tivessem conhecido o seu educador, e o pior, muitas vezes ainda saem falando de quem os orientou na sua caminhada a tão sonhada e almejada Faixa Preta.


O pior “faixa preta” é aquele que mencionei acima e o pior “mestre” é aquele que muitas vezes por míseros reais pega este “faixa preta” deslumbrando os míseros reais que este venha a dar pelo pagamento de uma filiação e vislumbrando um Exame de Faixa, mas ai vem o pior, o “faixa preta” só queria a certificação porque quanto mais certificado ele tiver (na sua pequena visão de ótica) ele vai ser o maioral. Voltando ao “mestre”, este além de pegar o “faixa preta” desonesto ele nem sequer procura pegar o telefone e falar com o Educador anterior do “faixa preta” para saber a vida regressa deste.


Muitas vezes o “faixa preta” antiético consegue colocar os dois mestres, o antecessor e o sucessor, um contra o outro, através da fofoca onde o mestre vislumbrado passa a acreditar na inverdade falada.


Na verdade o que falta nestes “mestres” é a ética, vergonha na cara e coragem de não pegar para o seu quadro de alunos estes “faixas pretas”.


A falta de ética nas artes marciais ela pode ser vista também através da inveja, quando alguém sem competência começa a falar mal do trabalho do competente colocando muitas vezes em dúvida o trabalho deste.


Como sou formado em Filosofia e estudamos muito a ética, passo abaixo para os senhores conhecer, já que ela esta faltando a muitos “professores e mestres”, até porque muitas vezes o fofoqueiro antiético ele usa a falta de ética para prejudicar o outro.


O antiético procura se chegar próximo ao outro como se fosse amigo só para usurpar e depois através de picuinhas e fofocas, desestabilizar esta amizade.


A ÉTICA

A palavra ética se origina do termo grego ethos, que significa "modo de ser", "caráter", "costume", "comportamento". De fato, a ética é o estudo desses aspectos do ser humano: por um lado, procurando descobrir o que está por trás do nosso modo de ser e de agir; por outro, procurando estabelecer as maneiras mais convenientes de sermos e agirmos. Assim, pode-se dizer que a ética é responsável por nos guiar entre o que é "bom" e do que é "mau". Bom e mau, ou também, Bem e Mal, entretanto, são valores que não apresentam, para o ser humano, um caráter absoluto. De acordo com o tempo e a época nas mais diversas civilizações, várias interpretações foram dadas a essas duas premissas. A ética acompanha esse desenvolvimento histórico, para que isso sirva de base para uma reflexão sobre como ser ético no tempo presente. 
Ela também nos remete a como esses valores se aplicam no relacionamento interpessoal, pois a noção de um modo correto de se comportar e posicionar na vida pressupõe que isso seja feito para que cada um respeite outro e conviva em harmonia. A ética, portanto, trata da convivência entre seres humanos na sociedade. Num sentido mais restrito, ela se restringe às relações pessoais de cada um e as regras para que isso flua de maneira natural e sem crises. Num sentido mais amplo, já que o homem é um ser social e não consegue viver isolado em uma ilha, a ética é possivelmente a área mais prática da filosofia. 

Como vimos quando falta a ética a alguém, este vira um ser sem caráter, e este se torna uma pessoa sem moral e sem princípios.


A Faixa Preta para uma pessoa despreparada e o Titulo de Mestre para alguém desqualificado são as graduações mais perigosas nas Artes Marciais, para quem as recebe, pois pode ser a corda para se enforcar e o poço para se afundar. A humildade e ética tem de estar presente para todo o sempre em sua vida.


Cuide quando você formar um faixa preta e lembre-se: Ele será o seu representante ele será a sua imagem.


Quando você pegar um faixa preta de um outro mestre, este virá cheio de vícios e de malandragem e muitas vezes cheio de sacanagem.


Forme você o seu Faixa Preta e torne ele sua imagem e semelhança e o dia que ele lhe deixar, acontecerá o seguinte: “Se ele fizer coisas boas, foi por sua formação e se ele fizer coisas ruins, ele não está mais com você”.


CUIDADO: Existem muitos "mestres" por ai sem nunca ter formado um aluno, e sem nunca ter treinado uma Arte Marcial.


Obs.: Se reproduzirem este texto, citem a fonte, obrigado.


Grão Mestre Itagiba Vitorio 7º Dan HKD e 5º Dan TKD

Bacharel em Filosofia, Profissional de Ed. Física e Jornalista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário